NOTÍCIAS

Sincomerciários participa de evento pelo “Fim da Violência Contra Mulher”

Caso uma trabalhadora comerciária sofra alguma violência ou abuso no ambiente de trabalho, ela deve procurar o Sindicato, porque a Fecomerciários e seus 68 Filiados estão preparados para lidar com esse tipo de situação

publicado em 06/12/2013

Foi realizado no último dia 3 de dezembro, no Hotel Braston, capital paulista, o evento Ativismo Fecomerciários pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, uma realização da Secretaria da Mulher da Federação dos Comerciários do Estado de São Paulo. Mais de 250 pessoas assistiram às palestras de Rosmary Correa, presidenta do Conselho Estadual da Condição Feminina, e de Dalila Eugênia, conselheira do órgão e presidenta da Associação Brasileira da Defesa da Mulher, da Infância e da Juventude.

O presidente Motta, da Federação, que abriu o evento ao lado de Lia Marques, coordenadora da Secretaria da Mulher e membro do Conselho da Condição Feminina, em seu discurso deu ênfase à violência que a mulher sofre no espaço público e em seu ambiente de trabalho. “A Fecomerciários está se organizando para apoiar cada vez mais essa luta feminina. Não é diferente a violência no local de trabalho, onde os salários não são iguais, onde o assédio sexual é prática tantas vezes silenciada, onde em algumas lojas existe a exigência ‘de boa aparência’ para ser contratada”, disse Motta.

Ainda durante o evento o presidente afirmou que o Ativismo Fecomerciários pelo Fim da Violência Contra as Mulheres está na pauta da Secretaria da Mulher da entidade e vai ser realizado todos os anos.  “A Fecomerciários valoriza e vai continuar valorizando as mulheres; dos 68 Sindicatos Filiados, 11 são presididos por elas".

 

Mesa de honra

A mesa foi composta por Motta, Rosmary Correa, Marlene Campos Machado, presidenta do PTB Mulher, Lia Marques, e as presidentas do Sincomerciários de Jales, Maria Ramires; Presidente Venceslau, Nadir da Silva Almeida; Ribeirão Preto, Regina Zagretti; Registro, Rosemeire dos Santos Novaes; e São José do Rio Pardo, Michelli Rossana Rodrigues de Oliveira.

 

Palestras

Rosmary Correa ressaltou, em sua palestra, a importância da Lei 11.340, conhecida como Maria da Penha e explicou sobre os tipos de violência que a mulher sofre dentro e fora de casa: física, psicológica, moral, sexual e patrimonial. A palestrante ainda elogiou a iniciativa da Federação em apoiar eventos como esse. “A Fecomerciários está de parabéns por abrir esse espaço para dialogar e discutir sobre um assunto tão importante como o da violência contra a mulher”.

Já Dalila Eugênia ressaltou que a violência contra a mulher é um problema cultural e acontece em todas as classes sociais, sem exceção, entretanto as mulheres das camadas mais pobres são as que mais denunciam e procuram ajuda. Também falou da importância dos abrigos ou casas de passagens que acolhem mulheres que sofreram agressões ou ameaças por até 48 horas e de como a Lei Maria da Penha é bem feita, mas mal executada. “Essa iniciativa da Fecomerciários é fantástica, pois pauta um tema importante que atinge a todos e essas palestras ajudam a informar e ensinar os diretos de cidadão às mulheres”, disse Dalila.

 

Luta

Marlene Campos Machado, por sua vez, elogiou a iniciativa da Federação e disse que o PTB Mulher está junto nessa luta dos comerciários e comerciárias pelo fim da violência contra a mulher.

No final Lia Marques afirmou: “Foi um evento completo, as mulheres saíram mais firmes e confiantes e esse foi o primeiro de muitos encontros”.

Após o evento, Motta ressaltou: “Caso uma trabalhadora comerciária sofra alguma violência ou abuso no ambiente de trabalho, ela deve procurar o Sindicato, porque a Fecomerciários e seus 68 Filiados estão preparados para lidar com esse tipo de situação”.

Além das presidentas que compuseram a mesa de honra, prestigiaram o evento a presidenta Jussara Rúbia C.M Pires da Silva, do Sinprafarma de Bauru, e os presidentes Jair Mafra, de Mogi das Cruzes, Amauri Mortágua, de Tupã e Danilo Sanches, de Araras.

GALERIA DE FOTOS