NOTÍCIAS

Desembargador alerta: Sindicatos são essenciais

À convite da presidente do Sincomerciários, Lia Marques e Carlos Bissi, presidente da Associação dos Contabilistas, o desembargador do TRT, Dr. Francisco Alberto de Motta Peixoto Giordani, ministrou workshop, sobre Reforma Trabalhista, em Votuporanga

publicado em 31/08/2017

À convite da presidente do Sincomerciários de Votuporanga, Lia Marques e Carlos Bissi, presidente da Associação dos Contabilistas da Região de Votuporanga, o desembargador do Tribunal Regional do Trabalho 15 – Campinas, Dr. Francisco Alberto de Motta Peixoto Giordani, ministrou workshop, sobre Reforma Trabalhista, para uma expressiva e heterogênea plateia, ontem, em Votuporanga. Mais de 150 pessoas entre diretores sindicais, advogados, contabilistas, empresários e trabalhadores em geral ouviram e puderam debater sobre o tema: “Reforma Trabalhista: o acordado prevalecendo sobre o legislado”, no auditório Vanderlei Passoni (Unifev – Cidade Universitária). Na abertura, os presentes foram saudados pelos organizadores, Lia Marques e Carlos Bissi, além do prefeito João Dado e do presidente da OAB local, Adelino Ferrari Filho. O desembargador trouxe à luz diversos pontos do texto aprovado para a Reforma Trabalhista, onde existem incoerências que beiram a inconstitucionalidade. Segundo, Dr. Giordani, a falta de debate e explícita unilateralidade em prol do empregador deixam o trabalhador à mercê de leis nada protetoras. Ainda de acordo com o palestrante, os sindicatos terão papel ainda mais essencial neste momento de total vulnerabilidade dos empregados, já que contra eles, haverá a mão severa de patrões, muitas vezes mal intencionados, endossada pelas novas regras da CLT. Sobre os argumentos usados em favor das mudanças, o desembargador é enfático ao dizer que são vazios e que cairão por terra. A parceria entre Sincomerciários e Associação dos Contabilistas além de trazer à tona o debate sobre os danos das novas leis aos trabalhadores, ainda teve cunho social. O evento rendeu ao Lar Viver Bem, 255 litros de leite. Embora gratuita, a inscrição sugeria a doação do alimento aos participantes, que colaboraram com a nobre causa.

GALERIA DE FOTOS